Lives que ainda surpreendem: Kylie Minogue e Billie Eilish

Por Duda Leite

2020 está sendo um ano, no mínimo, desafiador. E, o universo da música e do audiovisual foi um dos mais duramente atingidos. Porém, uma coisa boa foi a verdadeira enxurrada de lives que, apesar de não substituírem os grandes shows e festivais presenciais, foram uma maneira de manter vivo o contato dos músicos com seu público. Praticamente todos os artistas fizeram pelo menos uma live em 2020.

Este último mês, duas Lives chamaram a nossa atenção. A popstar australiana Kylie Minogue apresentou as canções de seu novo álbum “disco”, uma releitura do estilo musical dos anos 1970, num cenário cheio de neon e acompanhada por vários dançarinos animados.

A segunda foi “where do we go?”, da sensacional Billie Eilish, que apresentou vários dos seus sucessos num cenário totalmente virtual, ao lado de seu irmão Finneas e do baterista Andrew Marshall. Vestida com um pijama Gucci, Billie apareceu cantando em baixo de uma aranha gigante, num aquário cheio de tubarões e até no espaço sideral. Billie deixou seu maior sucesso Bad Guy para o final, em clima de pistinha. A direção criativa ficou a cargo da própria Billie ao lado da Moment Factory, e a direção foi de Tarik Mikou.

Lembrando aqui que este ano o m-v-f- awards abriu uma categoria especial para as lives, e as inscrições se encerram este sábado, 28 de novembro. Inscrevam-se!!!