Luiza Lian arma uma teia entre espiritualidade, pensamento e natureza em “Azul Moderno”

A realidade é multidimensional!   Pouco mais de um ano após divulgar o elogiado “Oyá Tempo”, a cantora e compositora Luiza Lian está de volta com um novo registro de estúdio, estreando visuais para a inédita “Azul Moderno”.

Em um vídeo extremamente sensorial, Luiza encarna uma viajante que atravessa um espaço-tempo incerto, descobrindo uma ancestralidade que ela sequer imaginava que existisse. Mergulhando nas profundezas de uma paisagem de abandono, ela vive momentos de nostalgia e libertação. Um encontro e dicotomia entre passado e futuro, tradição e modernidade.  As imagens foram gravadas na fronteira entre os estados de Minas Gerais e São Paulo, a 20m de profundidade, onde se encontram as ruínas de uma cidade submersa pela transposição do rio.

O clipe é uma parceria com a produtora independente “Filmes da Diaba” com direção co-assinada por Camila Maluhy e Octávio Tavares.

O álbum homônimo á faixa será lançado no dia 28 de setembro. Será o terceiro trabalho de estúdio de Luiza.

Por Jessica Di Risio
Em 27 de setembro de 2018