Black Eyed Peas estreia visuais carregados de críticas políticas para “Get It”

Pe-sa-do! Vivemos um momento de muitas dúvidas e incertezas, onde as críticas políticas e sociais em canções tem se tornado cada vez mais frequentes. Não à toa, o Black Eyed Peas escolheu o single “Get It” para ganhar visuais bem politizados.

A música tenta trazer luz para questões sociais urgentes, fazendo referência a canções como “Ordinary People“, de John Legend (escrita e produzida em parceria com will.i.am), e “Fallin’ Up“, do álbum de estreia do grupo.

O vídeo, que traz de volta as raízes pesadas do rap e do hip hop do Black Eyed Peas, se preocupa em estimular a conscientização e a ação sobre a brutalidade policial e a reforma da imigração. Feita em plano-sequência, a produção também se preocupa em mostrar o apelo à religiosidade e mensagens por paz e respeito. Ao final do clipe, é revelado que a perspectiva da câmera vem de dentro de um carro em movimento, onde encontra-se Donald Trump que apenas assiste à guerra acontecendo do lado de fora. Seria este mais um videoclipe inspirado em “This Is America”?

A direção é de Ben Mor, que já trabalhou com artistas como Coldplay, Sean Paul e Katy Perry, além de já ter dirigido vários clipes tanto do Black Eyed Peas quanto das carreiras solos de will.i.am e Fergie, que segue em hiato do grupo.

O Black Eyed Peas não lança um álbum de inéditas há 8 anos, quando divulgou “The Beginning”, e por enquanto não há data oficial para o novo trabalho. Tudo indica que o disco seja lançado ainda esse ano.

Por Jessica Di Risio
Em 11 de julho de 2018